Resenha: Todo Dia

By Um Container - 12:18:00

(foto: where the light is)
O livro Todo Dia vai te levar ao amor extremo pelos personagens. Foi lançado pela Editora Galera em 2013 e tem 280 paginas. A leitura de Todo Dia é algo que impressiona. Há uma facilidade com as palavras que fazem com que tudo flua sem problemas, sem travamentos, sem pausas longas. Você quer saber mais e mais a cada pagina, a cada fala, a cada paragrafo. É um livro que, se você tiver um dia completo, consegue chegar ao fim e ainda vai querer mais.

Imagina se você acordasse em um corpo diferente todos os dias. Não teria os mesmos amigos, a mesma família, os mesmos estilos e formas de viver. Não poderia se apegar a pessoas, teria que passar despercebido para não estragar os próximos dias ou anos dessa pessoa que você apenas pegou o corpo emprestado por um dia. Imagine agora você ter 16 anos e ter mais de 5 mil corpos usados durantes toda a sua vida. Imagine você sem poder se apaixonar por alguém pois não terá como ficar com essa pessoa. Um dia você está em uma cidade, no outro dia, em outra. Um dia é um menino, um dia é uma menina. Você não sabe seu sexo, mas isso não importa realmente pra você. E mesmo assim, precisa saber quem é você, precisa manter suas memorias, precisa guardar esse segredo. Ninguém acreditaria, ninguém entenderia isso que você passa já que você demorou muitos anos para entender mais ou menos.

É isso que “A” passa todos os dias, por todos esses anos ele viveu usando corpos de outras pessoas. Ele não sabe de onde veio e nem porque é desse jeito. Não sabe se tem um corpo dele próprio, se tem pai, mãe, irmãos. Ele não conhece outra vida além dessa, a vida de outras pessoas, os pensamentos, vontades, desejos, amores de outras pessoas. Mas no dia 5.994 “A” acorda no corpo de Justin e ele pensa que será mais um dia comum, mais um dia passando como outra pessoa, mais um dia em que não poderá interferir a vida de alguém. Mas acaba percebendo que não será algo tão fácil assim, quando chega a escola. Justin tem uma namorada chamada Rhiannon. Ela parece o tipo de garota que passa despercebido por todos e ele o tipo de garoto que maltrata ela, aquele tipo de cara que não dá valor a pessoa incrível que tem ao lado. Ela fez “A” se apaixonar, mas ele luta muito contra esse sentimento, ele tenta pensar que não pode mudar quem Justin é e nem invadir a vida de outras pessoas, não pode mudar as pessoas por um dia, mas isso não impede ele de ser uma versão “melhor” de Justin, fazendo Rhiannon se sentir especial.

Mas como será quando ele acordar no corpo de outra pessoa? Como ficará tudo o que viveu com Rhiannon? Como ela poderá saber que era ele e não Justin, seu namorado? No dia seguinte, “A” já é outra pessoa, uma garota chamada Leslie. Não adianta, mesmo em outra cidade, “A” não consegue se controlar e acaba indo até a escola que Rhiannon estuda e inventa alguma coisa para tentar passar o dia com ela. Depois ele acorda como outra pessoa e isso vai se tornando algo bem difícil de se fazer. Como ele pode ir atrás de uma pessoa que nem sabe quem ele é de verdade? Sempre são pessoas diferentes buscando por Rhiannon, mas pelo mesmo motivo. Se passam mais alguns dias, mais alguns corpos, pessoas, vidas. O que aconteceria se “A” fosse descoberto pelas pessoas? Como iriam reagir ao que ele é? O que a sociedade pensaria? O que fariam com ele?

Infelizmente “A” foi descuidado e por causa de seu amor por Rhiannon acabou cometendo um grande erro, deixando um garoto no meio da estrada, dormindo em seu carro depois de uma festa na casa de uma pessoa que ele não conhecia, sem se lembrar das coisas que fez. Ele bagunçou a vida de alguém de uma forma que não tem como consertar. Um e-mail foi encontrado pelo garoto em seu bolso e agora ele quer respostas. Os rádios, pessoas, pastores e blogueiros entrevistaram o garoto querendo saber mais sobre a noite em que ele foi possuído, isso começou a ficar mais sério, mais publico e “A” precisa saber o que fazer. Muitas pessoas desacreditam no garoto, mas muitos acreditam muito e vão levar isso a diante. Ao mesmo tempo que tem que lidar com isso, precisa saber se deve ou não contar a Rhiannon o que ele é, ou quem ele é.

Precisa mostrar a ela que isso não é algo ruim e que eles conseguiram ficar juntos se ela realmente quiser. Como ele pode provar a ela que ele é real? Como ele poderá convence-la de que ama ela e de que isso não vai atrapalhar o amor que ele sente? Ela sente a mesma coisa por ele? O que ela fará com o atual namorado? Como poderão viver juntos sendo que cada dia "A" pode acordar mais longe? São muitas perguntas que você vai se fazer ao longo do livro. Eu tive a experiencia de ler em PDF. Esse, com toda certeza vai para a minha lista de favoritos. O melhor é que a linguagem é bem jovem porque devemos lembrar que o personagem tem dezesseis anos, mas mesmo assim ele tem uma mente bem mais velha. Isso mostra que a maturidade não vem com a idade e sim com as experiências de vida de cada um.

Sinopse: Neste novo romance, David Levithan leva a criatividade a outro patamar. Seu protagonista, A, acorda todo dia em um corpo diferente. Não importa o lugar, o gênero ou a personalidade, A precisa se adaptar ao novo corpo, mesmo que só por um dia. Depois de 16 anos vivendo assim, A já aprendeu a seguir as próprias regras: nunca interferir, nem se envolver. Até que uma manhã acorda no corpo de Justin e conhece sua namorada, Rhiannon. A partir desse momento, todas as suas prioridades mudam, e, conforme se envolvem mais, lutando para se reencontrar a cada 24 horas, A e Rhiannon precisam questionar tudo em nome do amor.


  • Share:

You Might Also Like

2 comentários

  1. OIee! Desculpe a demora em responder. Adorei seu espaço também. Estou te seguindo no Insta. Ai...tentei seguir pelo blogger mas deu erro. Enfim...quero muito ler esse livro. É super falado pelos amigos leitores. Vi que você gostou bastante também e fiquei mais interessada em ler.
    Beijos,
    Monólogo de Julieta

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sua linda, obrigado pelo carinho, fico feliz que tenha gostado. Acho que o meu sistema para seguidores está com problemas mesmo, não tenho certeza, mas preciso corrigir isto. O livro é sensacional, incrivelmente perfeito. Acho que você vai amar ele do começo ao fim. Um grande beijo. Volte mais vezes.

      Excluir

Deixe o seu comentário, não esqueça do seu email e do seu blog!