6 coisas que você precisa saber antes de platinar o cabelo

By Um Container - 13:11:00

1. Antes de você descolorir o cabelo, você precisa deixar ele sem lavar uns três dias mais ou menos. Muitas pessoas acham que não faz o mesmo efeito de descoloração, mas na verdade faz e ainda ajuda na questão da ardência. Quando o cabelo está sem lavar, o couro cabeludo acumula o óleo natural e isso vai fazer com que o seu couro não seja atingido de forma grave pelo descolorante, ajudando a não deixar arder ou arder bem menos do que se você tivesse com o couro cabeludo limpo.  2. O certo de se fazer é uma descoloração a cada 2 dias para conseguir que o seu cabelo vá se hidratando entre uma descoloração e outra para que no fim não fique emborrachado ou para não acontecer o famoso "corte químico" que pode ser desde queda de cabelo até reação alérgica do couro cabeludo ou queimaduras no mesmo. No máximo faça duas descolorações no mesmo dia, nada mais que isso e espere três dias para fazer outra descoloração se o cabelo não chegou no tom que deseja.  3. Quando comprar a água oxigenada e o pó descolorante, opte por um pó descolorante azul e água oxigenada 30 ou 40 vol. De preferencia, que os dois sejam da mesma marca, isso é algo que deve ser levado em consideração já que cada marca tem uma quantidade certa para efetuar a mistura. Algumas sugerem a mistura de duas medidas de água oxigenada para uma de pó descolorante e outras sugerem uma medida de água oxigenada para uma de pó descolorante. Não deixe o produto no cabelo por mais de 40 minutos, isso é muito importante.  4. Divida seu cabelo em varias partes para que seja mais fácil efetuar a aplicação e use um pincel para facilitar esse procedimento. Repare bem se a mecha em que está passando o produto está com a mistura bem espalhada para que não fique nenhuma parte sem o produto, isso pode deixar algumas mechas com diferentes tons de outras e se você quer platinar, isso não pode acontecer.  5. Caso não tenha uma touca térmica (assim como eu não tenho), uma dica maravilhosa e que faz o mesmo efeito é: enrole papel alumínio na cabeça. É muito importante que tenha ou o papel alumínio ou a touca térmica pois isso ajuda no procedimento de clareamento dos fios e que a cor fique uniforme. Quando passamos o descolorante, os fios ficam mais claros perto do couro cabeludo pois ele esquenta com o produto, por isso é necessário que tenha algo que esquente a cabeça por completo, para que nenhuma mecha fique de uma cor diferente do resto que está perto do couro cabeludo.  6. O melhor é que você não faça todo o procedimento sozinho, pois existem partes do seu cabelo que você pode não conseguir alcançar de forma correta e acabar deixando de fora da descoloração. Peça ajuda para alguém ou faça com o acompanhamento de um profissional. Isso faz com que seja menos perigoso fazer sozinho.  Dicas extra: Esteja ciente de que platinar o cabelo requer dinheiro e tempo, então antes de tudo, veja se terá condições para fazer e manter o cabelo da forma que quer. Hidrate muito o seu cabelo, pois ele gritará por socorro sempre. Vai ser necessário semanas de hidratação para que ele volte a ser o que era antes, então já separe os potes de creme com açúcar para reconstruir os fios. Quando retocar o descolorante na raiz, não deixe que ele pegue nos fios já trabalhados e prontos, as vezes eles podem não aguentar mais química e acontecer uma tragédia. Aproveite seu cabelo platinado para tirar muitas fotos, caso você desista dele, pelo menos terá lembrança de como era.

Fazia muito tempo que eu queria fazer algo diferente no meu cabelo, algo que eu sempre pensei não ter coragem de fazer e isso foi: platinar o cabelo. Pra mim, foi um ato de loucura total, nunca fiz nada tão radical no meu cabelo, tanto que eu quase não mudava a cor dele, o corte foi o mesmo por cinco anos. Decidi, de ultima hora que eu ia platinar meu cabelo, então comprei os produtos (que eu já sabia quais eram) e estudei horas para saber o que deveria fazer e como deveria fazer (riscos e etc). Em dois dias eu já estava com meu "cabelo de algodão", mas meu couro cabeludo estava machucado, meu cabelo estava muito ressecado. Mas isso foi porque eu não queria ficar com o cabelo amarelo para fazer a transição e queria ele logo platinado o que precisou de três descolorações em um dia e uma no outro. Depois disso veio a matização (com tinta) que deu errado e eu descolori de novo para tirar a parte verde do meu cabelo. Matizei com violeta agenciana mesmo, pois foi a unica que eu consegui fazer meu cabelo ficar branco. Mas claro que de primeira eu errei, e muito e ele ficou roxo, então tive que lavar com muito shampoo anti resíduo para conseguir tirar.

Mas vamos lembrar que eu fiz tudo isso em apenas dois dias. Meu couro cabeludo pedia por socorro, estava machucado, sem o óleo natural dele. Meus fios estava gritando por hidratação e reconstrução. Comecei um dia depois a fazer tudo o que meu cabelo precisava para ficar nutrido, hidratado, mas meu couro cabeludo começou a descamar e doía até para sorrir porque ele tinha criado uma camada de pele "queimada" e ia soltar nos próximos dias com a mesma aparência que tem a caspa. Sabemos que eu não deveria ter feito a loucura de descolorir tantas vezes em pouco tempo, mas esse sou eu, não tenho noção do perigo as vezes, mas tem sempre uma consequência. Depois de duas semanas com o cabelo platinado, eu resolvi raspar a cabeça e deixar meu cabelo crescer ao natural. Platinar e raspar a cabeça são duas coisas que eu jamais pensei que chegaria a fazer na minha vida. Pensando na minha experiencia, trouxe pra vocês seis coisas que vocês precisam saber antes de fazer a descoloração para chegar no platinado.

1. Antes de você descolorir o cabelo, você precisa deixar ele sem lavar uns três dias mais ou menos. Muitas pessoas acham que não faz o mesmo efeito de descoloração, mas na verdade faz e ainda ajuda na questão da ardência. Quando o cabelo está sem lavar, o couro cabeludo acumula o óleo natural e isso vai fazer com que o seu couro não seja atingido de forma grave pelo descolorante, ajudando a não deixar arder ou arder bem menos do que se você tivesse com o couro cabeludo limpo.  2. O certo de se fazer é uma descoloração a cada 2 dias para conseguir que o seu cabelo vá se hidratando entre uma descoloração e outra para que no fim não fique emborrachado ou para não acontecer o famoso "corte químico" que pode ser desde queda de cabelo até reação alérgica do couro cabeludo ou queimaduras no mesmo. No máximo faça duas descolorações no mesmo dia, nada mais que isso e espere três dias para fazer outra descoloração se o cabelo não chegou no tom que deseja.  3. Quando comprar a água oxigenada e o pó descolorante, opte por um pó descolorante azul e água oxigenada 30 ou 40 vol. De preferencia, que os dois sejam da mesma marca, isso é algo que deve ser levado em consideração já que cada marca tem uma quantidade certa para efetuar a mistura. Algumas sugerem a mistura de duas medidas de água oxigenada para uma de pó descolorante e outras sugerem uma medida de água oxigenada para uma de pó descolorante. Não deixe o produto no cabelo por mais de 40 minutos, isso é muito importante.  4. Divida seu cabelo em varias partes para que seja mais fácil efetuar a aplicação e use um pincel para facilitar esse procedimento. Repare bem se a mecha em que está passando o produto está com a mistura bem espalhada para que não fique nenhuma parte sem o produto, isso pode deixar algumas mechas com diferentes tons de outras e se você quer platinar, isso não pode acontecer.  5. Caso não tenha uma touca térmica (assim como eu não tenho), uma dica maravilhosa e que faz o mesmo efeito é: enrole papel alumínio na cabeça. É muito importante que tenha ou o papel alumínio ou a touca térmica pois isso ajuda no procedimento de clareamento dos fios e que a cor fique uniforme. Quando passamos o descolorante, os fios ficam mais claros perto do couro cabeludo pois ele esquenta com o produto, por isso é necessário que tenha algo que esquente a cabeça por completo, para que nenhuma mecha fique de uma cor diferente do resto que está perto do couro cabeludo.  6. O melhor é que você não faça todo o procedimento sozinho, pois existem partes do seu cabelo que você pode não conseguir alcançar de forma correta e acabar deixando de fora da descoloração. Peça ajuda para alguém ou faça com o acompanhamento de um profissional. Isso faz com que seja menos perigoso fazer sozinho.  Dicas extra: Esteja ciente de que platinar o cabelo requer dinheiro e tempo, então antes de tudo, veja se terá condições para fazer e manter o cabelo da forma que quer. Hidrate muito o seu cabelo, pois ele gritará por socorro sempre. Vai ser necessário semanas de hidratação para que ele volte a ser o que era antes, então já separe os potes de creme com açúcar para reconstruir os fios. Quando retocar o descolorante na raiz, não deixe que ele pegue nos fios já trabalhados e prontos, as vezes eles podem não aguentar mais química e acontecer uma tragédia. Aproveite seu cabelo platinado para tirar muitas fotos, caso você desista dele, pelo menos terá lembrança de como era.

1. Antes de você descolorir o cabelo, você precisa deixar ele sem lavar uns três dias mais ou menos. Muitas pessoas acham que não faz o mesmo efeito de descoloração, mas na verdade faz e ainda ajuda na questão da ardência. Quando o cabelo está sem lavar, o couro cabeludo acumula o óleo natural e isso vai fazer com que o seu couro não seja atingido de forma grave pelo descolorante, ajudando a não deixar arder ou arder bem menos do que se você tivesse com o couro cabeludo limpo.

2. O certo de se fazer é uma descoloração a cada 2 dias para conseguir que o seu cabelo vá se hidratando entre uma descoloração e outra para que no fim não fique emborrachado ou para não acontecer o famoso "corte químico" que pode ser desde queda de cabelo até reação alérgica do couro cabeludo ou queimaduras no mesmo. No máximo faça duas descolorações no mesmo dia, nada mais que isso e espere três dias para fazer outra descoloração se o cabelo não chegou no tom que deseja.

3. Quando comprar a água oxigenada e o pó descolorante, opte por um pó descolorante azul e água oxigenada 30 ou 40 vol. De preferencia, que os dois sejam da mesma marca, isso é algo que deve ser levado em consideração já que cada marca tem uma quantidade certa para efetuar a mistura. Algumas sugerem a mistura de duas medidas de água oxigenada para uma de pó descolorante e outras sugerem uma medida de água oxigenada para uma de pó descolorante. Não deixe o produto no cabelo por mais de 40 minutos, isso é muito importante.

4. Divida seu cabelo em varias partes para que seja mais fácil efetuar a aplicação e use um pincel para facilitar esse procedimento. Repare bem se a mecha em que está passando o produto está com a mistura bem espalhada para que não fique nenhuma parte sem o produto, isso pode deixar algumas mechas com diferentes tons de outras e se você quer platinar, isso não pode acontecer.

5. Caso não tenha uma touca térmica (assim como eu não tenho), uma dica maravilhosa e que faz o mesmo efeito é: enrole papel alumínio na cabeça. É muito importante que tenha ou o papel alumínio ou a touca térmica pois isso ajuda no procedimento de clareamento dos fios e que a cor fique uniforme. Quando passamos o descolorante, os fios ficam mais claros perto do couro cabeludo pois ele esquenta com o produto, por isso é necessário que tenha algo que esquente a cabeça por completo, para que nenhuma mecha fique de uma cor diferente do resto que está perto do couro cabeludo.

6. O melhor é que você não faça todo o procedimento sozinho, pois existem partes do seu cabelo que você pode não conseguir alcançar de forma correta e acabar deixando de fora da descoloração. Peça ajuda para alguém ou faça com o acompanhamento de um profissional. Isso faz com que seja menos perigoso fazer sozinho.

Dicas extra: Esteja ciente de que platinar o cabelo requer dinheiro e tempo, então antes de tudo, veja se terá condições para fazer e manter o cabelo da forma que quer. Hidrate muito o seu cabelo, pois ele gritará por socorro sempre. Vai ser necessário semanas de hidratação para que ele volte a ser o que era antes, então já separe os potes de creme com açúcar para reconstruir os fios. Quando retocar o descolorante na raiz, não deixe que ele pegue nos fios já trabalhados e prontos, as vezes eles podem não aguentar mais química e acontecer uma tragédia. Aproveite seu cabelo platinado para tirar muitas fotos, caso você desista dele, pelo menos terá lembrança de como era.


 FACEBOOK | INSTAGRAM | TWITTER | CANAL 

  • Share:

You Might Also Like

2 comentários

  1. Que conteúdo MARA! Combinou super com você... E as dicas estão incríveis.
    Gostei muito do conteúdo do blog.
    Eu te sigo faz um tempo, tinha um blog literário mas não deu muito certo :(
    Hoje estudo estética e fiz um novo blog o/ Esta no começo...
    Vem me visitar, me de sugestões se quiser...
    https://esteticando-se.com
    Beijos e sucesso.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, fico muito feliz que tenha gostado, de coração. Já estou indo visitar seu novo blog. Espero te ver por aqui mais vezes. Um grande beijo.

      Excluir

Deixe o seu comentário, não esqueça do seu email e do seu blog!